Mavi Máquinas Vibratórias

Sua melhor opção em
equipamentos vibratórios

|   ENGLISH  |  ESPAÑOL  |  

Revitran

Transportadores Vibratórios

Insensíveis a altas temperaturas, transportam altíssimas capacidades com baixo custo energético. São sincronizados para trabalharem próximos a frequência de ressonância.

Escolhendo o transportador certo

A escolha é simples: basta dividir a capacidade desejada pela velocidade possível e altura de camada e obtém-se a largura do equipamento.

Um exemplo:
Queremos transportar 100t/h de areia.
Isso equivale a

V (m³/h) = 100 / 1,4 = 71

onde 1,4 em t/m³ é a densidade aparente da areia.

A camada de material (vide tabela abaixo) é de 75mm ou 0,075m. A velocidade possível é 30cm/s ou 0,3m/s.

Largura = 71 / (0,3 x 0,075 x 3600)
Largura = 0,87 metros ou 870 mm


Essa é a largura necessária para a capacidade de material. Para facilitar a escolha, tomamos a liberdade de apresentar uma tabela de vazões aproximadas por largura de equipamento na página seguinte.
Exemplos
Tipo de material Granulometria (mm) Altura de camada (mm) Velocidade de transporte(cm/s)
mm mm cm/s
Açúcar cristal e amorfo 0,84 - 0,59 65 25
Alumina 0,15 75 15
Areia seca 0,83 75 30
Areia úmida 0,83 100 45
Bagaço de cana 50 x 0,246 150 40
Borracha em grânulos 6,35 100 30
Calcário 9,52 - 32 100 35
Carvão mineral 20,0 - 38,00 125 30
Cascalho 9,52 - 12,7 125 33
Cavacos de madeira 9,52 250 40
Cavacos de usinagem 6,35 - 12,7 100 28
Cereais 6,35 - 9,52 150 35
Clinquer de cimento 6,35 - 9,52 125 35
Fumo picado 6,35 x 1,58 250 35
Granalha de aço 1,58 - 3,175 50 35
Leite em pó 0,07 40 12
Negro de fumo 1,58 75 18
Plástico em grânulos 3,175 - 6,35 100 35
Pó de detergente 0,15 75 25
Sal refinado 0,42 - 0,84 50 30
Vidro moído 3,17 - 12,7 100 30
TOPO